Chicas Poderosas, com apoio do Google News Initiative, abre a convocatória para sua segunda Incubadora de Liderança

Incubadora de liderazgo

Com este programa Chicas Poderosas buscam fornecer novas ferramentas de liderança para os meios de comunicação da América latina e do Caribe, Espanha e Portugal.

Alguma vez você se perguntou quão inclusivo, diverso e seguro é o seu espaço de trabalho? Como definir e impulsionar líderes do seu meio ou organização? Como promover narrativas focadas nos discursos de gênero? Chicas Poderosas lança este programa intensivo que escolherá 150 pessoas de 50 meios de comunicação ou organizações sem fins lucrativos diferentes da América Latina e do Caribe, Espanha e Portugal, para contribuir com a mudança nas formas de liderança e dinâmicas de trabalho. 

Chicas Poderosas, com apoio do Google News Initiative, abre a  convocatória para participar da segunda Incubadora de Liderança (Você pode ver como foi a primeira edição clicando aqui). O programa visa transformar as dinâmicas de trabalho de 50 meios de comunicação e organizações sem fins lucrativos da América Latina e Caribe, Espanha e Portugal, através de lideranças inovadoras que promovam a colaboração, a diversidade e a inclusão. 

Podem inscrever-se equipes de no mínimo 2 pessoas, e no máximo 3 pessoas por veículo de comunicação ou organização, estas devem ocupar cargos de liderança em seus trabalhos, ou seja, profissionais que trabalhem em redação, criação de conteúdo ou outras áreas afins da comunicação.

Data LimiteInformações
Para participar é necessário preencher o formulário antes de terça-feira 17 de maio até às 23h59 em cada país que se inscrever (América Latina e Caribe, Espanha e Portugal).
Se ainda ficou com dúvidas participe da nossa sessão informativa nos seguintes links:

IG LIVE Chicas Poderosas , 27 abril 2022, 15:00 MX, COL, ECU / 17:00 ARG, BR / 21:00 Portugal, 22:00 España. 

TW Space de Chicas Poderosas, 4 mayo 2022, 16:00 MX, COL, ECU / 18:00 ARG, BR / 22:00 Portugal, 23:00 Espanha.

OBJETIVOS DO PROGRAMA : 

A Incubadora de Liderança busca: 

  • Criar ambientes de trabalho mais inclusivos e diversos com foco em liderança colaborativa, narrativas focadas no discurso de gênero e metodologias de inovação. 
  • Promover a diversidade interseccional no ecossistema midiático e a liderança de mulheres e pessoas LGBTTQ+ no jornalismo.
  • Fornecer ferramentas teóricas e práticas para refletir sobre como os meios de comunicação, o jornalismo e as organizações sem fins lucrativos, pensam as dinâmicas, os processos laborais e as narrativas. 
  • Refletir sobre as estruturas, os papéis, as áreas e os vínculos de trabalho, promovendo lideranças inovadoras, colaborativas e inclusivas, para fins de transformação das equipes e histórias, assim como os produtos que serão desenvolvidos e os modelos de negócio.

O que faremos na Incubadora de Liderança?

  • O programa tem duração de 5 semanas entre os meses de maio e junho de 2022 
  • Teremos palestras e workshops com especialistas nos 4 temas abordados durante o programa: inovação, diversidade, liderança e colaboração.
  • O módulo sobre liderança permitirá aprender com exemplos de liderança, repensar nossos papéis e construir espaços compartilhados, colaborativos e comunitários 
  • Não existe apenas uma definição de inovação, por isso, construiremos um caminho para encontrar nossa própria definição. Durante a parte prática, aprenderemos estratégias e ferramentas para modificar o foco do trabalho e suas narrativas, entendendo novas formas e formatos de financiamento  
  • Na atualidade em diferentes espaços do mundo inteiro se fala de diversidade, mas o que é diversidade? Entendemos o real sentido da diversidade? As pautas dos meios de comunicação sabem com clareza ao que se refere no ambiente interno e externo?  Neste espaço vamos refletir sobre nossos preconceitos como líderes e gestores, como criar equipes interseccionais e por quê é tão importante fazer isso. Também será o momento para repensar as histórias que contamos, (não contamos) e como contamos, e qual o impacto social  
  • Refletiremos sobre os fluxos e as dinâmicas de trabalho; como nos conectamos no meio profissional colocando o foco na colaboração. Vamos repensar os paradigmas de trabalho verticais e vamos desenvolver novas habilidades para criar equipes baseadas no trabalho coletivo (interno e externo) e assim conhecer as vantagens de fazer alianças e trabalhar de forma colaborativa.
  • Para completar, durante todo o programa iremos focar no que normalmente fica negligenciado; a saúde mental, o burnout e o autocuidado 
  • Durante dois dias realizaremos um hackathon, com o objetivo de, colaborativamente, criar soluções para abordar um desafio enfrentado em seus meios de comunicação, relacionado aos quatro temas que desenvolveram durante o programa.
  • Os meios e as organizações terão a oportunidade de participar de um Ebook construído através de questionários e entrevistas, para aprender mais sobre como colocar em prática temas como diversidade, liderança, colaboração e inovação em seus ambientes de trabalho, e suas experiências durante o programa. Este livro digital será gratuito distribuído nas regiões dos meios participantes  da América Latina  e Caribe, Portugal e Espanha.

CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE

São elegíveis para a candidatura:

  • Pessoas que ocupem cargos de liderança e trabalhem ou colaborem em:
    -Meios multiplataforma, digitais (nativos ou não), impressos, canais de tv, rádios.
    -Criadores de conteúdo jornalístico (youtubers, podcasters, tiktokers).
    -Meios comunitários e organizações sem fins lucrativos cujo o principal trabalho e fonte  de renda seja informativa. 
  • Meios comunitários ou organizações com mais de 3 anos de trabalho e fundação.
  • Pessoas que ocupem cargos de liderança e sejam parte de um meio de comunicação ou organização sem fins lucrativos que desejam adquirir ferramentas sobre novas formas de liderança, inovação nos conteúdos, diversidade e colaboração envolvendo o trabalho. Podem se candidatar equipes de no mínimo 2 pessoas e no máximo 3 pessoas por meio de comunicação e/ou organizações sem fins lucrativos
  • Candidaturas de meios de comunicação ou organizações que tenham pelo menos 10 pessoas contratadas terão prioridade
  • Preferencialmente meios e/ou organizações de difusão massiva.
  • Não serão avaliados meios que não estejam legalmente registrados

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO

  • As inscrições serão avaliadas por um grupo interno das Chicas Poderosas, levando em conta o perfil do meio ou/e organização, relevância da inscrição de acordo com os critérios da convocatória. 
  • Manteremos contato com as inscritas e inscritos, para informar se foram selecionadas/os ou não

INSCRIÇÕES

PERGUNTAS FREQUENTES

Qual a modalidade?

Será toda realizada de maneira remota, através de plataformas virtuais como por exemplo Google Meet e Zoom.

Quais os horários das atividades?

Em geral, serão desenvolvidas de 9 a 12 hrs Centroamérica;  10 a 13 hrs. México; 11 a 15 hrs. Argentina, 15 a 19 hrs Portugal, 16 a 20 hrs. Espanha. Você pode consultar o horário de seu país no link.

Quais dias acontecem o programa?

Em geral, duas vezes por semana, às terças-feiras e quintas-feiras.

Quanto tempo preciso me dedicar à Incubadora de liderança?

A duração das atividades levará entre 2 a 3 horas, duas vezes na semana.

Posso participar se eu não falo espanhol?

As atividades serão em sua maioria em espanhol , por isso sugerimos uma compreensão mínima do idioma para um melhor aproveitamento. Contudo, teremos apoio de tradução do português para o espanhol para as atividades.

Quais países podem se candidatar?

Podem candidatar-se países da América Latina e Caribe, Espanha e Portugal. 

A convocatória está direcionada para pessoas que ocupam cargos de liderança?  

Preferencialmente sim. Por exemplo, podem se candidatar a posições de liderança como editoras, líderes de audiência, líderes de produto, etc.  Ainda assim  também serão aceitas candidaturas de pessoas da equipe de trabalho.

Quantas pessoas podem se candidatar? 

Podem se candidatar até 3 pessoas por meio ou organização, a ideia é que possam participar do programa equipes integradas, mulheres, pessoas LGBTTQ+ e homem cis.

Homem Cisgênero podem participar?

Sim, homem cis podem participar mas é importante deixar claro que a paridade das equipes, priorizando equipes formadas por mulheres, pessoas LGBTQIA+ e outras comunidades sub-representadas pela mídia.

Como saberei se me aceitaram na Incubadora de Liderança?

A decisão será comunicada por e-mail a todos que se candidatarem.

Me candidatei e não tive resposta, o que devo fazer?
Estamos avaliando sua solicitação. Entraremos em contato com os meios selecionados o quanto antes.

Acabou a convocatória, posso mandar minha inscrição?
Lamentavelmente, não serão aceitas inscrições fora do prazo estabelecido na convocatória, de terça-feira 19 de abril até terça-feira 17 de maio até 23:59pm de cada país que se inscreva (América Latina e el Caribe, Espanha e Portugal). Você pode consultar o horário de cada país clicando aqui.

Não quer participar da Incubadora de Liderança, mas quer participar do Chicas Poderosas
¡Parabéns! Sempre gostamos de somar pessoas a nossa equipe poderosa. Complete  este formulário para conhecer mais sobre outras formas de se unir às Chicas Poderosas. Lembre-se de se inscrever no canal nuestro newsletter mensual; siga no Twitter, Instagram e Facebook; ou seja parte de nossa  Membresía Poderosa para acessar os benefícios exclusivos com um  suporte.

Se ainda ficou com dúvidas mande um e-mail pra gente [email protected]

Sobre Chicas Poderosas

Chicas Poderosas é uma comunidade global que promove mudanças inspirando e promovendo o desenvolvimento de mulheres e pessoas LGBTTQI+ na mídia e criando oportunidades para que todas as vozes sejam ouvidas. Você pode saber mais sobre nosso trabalho em chicapoderosas.org.

Sobre Google News Initiative
É uma iniciativa do Google criada para ratificar seu compromisso de colaborar com os meios de comunicação para elevar e fortalecer o jornalismo de qualidade em suas plataformas, desenvolver modelos de negócios para apoiar o jornalismo de qualidade e capacitar as organizações de notícias a aproveitar as novas tecnologias.

¡Ayúdanos a compartir esta historia!

Twitter
WhatsApp
Facebook
LinkedIn
Email